Como a subida do IVA pode ser forçado a parar de treinar

Como muitos sabem, a partir do próximo dia 1 de setembro, sobe o IVA. Este imposto passará do atual 18% para 21%, aumentando o preço…

, Como muitos sabem, a partir do próximo dia 1 de setembro, sobe o IVA. Este imposto passará do atual 18% para 21%, aumentando o preço de produtos e serviços em três pontos percentuais.

Há quem pense que por três pontos que não acontece nada, ou que se trata de um mal necessário para sair da situação em que nos encontramos. O que poucos sabem é que, além do aumento, foram modificadas as diferentes categorias por que alguns produtos e serviços tributaban a 8% (taxa reduzida), e outros 4% (superreducido para bens de primeira necessidade como pão e leite).

Um dos serviços que passam ao regime geral, sofrendo um aumento de 13%, são as instalações desportivas. Se, a partir do próximo dia um de setembro sua academia vai subir os preços de 13%. Obviamente eles não poderiam carregar e suportar o aumento escrevendo-o na mesma cota que está pagando, tal e como vão fazer, entre outros, o grupo Inditex (conhecido por marcas como Zara) ou Benetton, mas, nestes casos, não têm que suportar 13%, mas um irrisório 3% se comparado.

Muito poucos ginásios têm uma margem superior a 13%, o que faz com que, em caso de suportá-lo, e não subir a taxa, não serão capazes de cobrir despesas obrigados a médio prazo a fechar. Só podem repercutir esta subida desorbitada ao sócio abrindo-se duas possibilidades, pagar 13% a mais pelo mesmo serviço, ou deixar de ir ao ginásio. Não há que esquecer que este serviço, para além dos evidentes benefícios físicos, também é usado por muitos para fugir um pouco dos seus problemas e misérias diárias provocadas por uma situação que, na maioria dos casos, nada tiveram que ver para provocarla.

Esta mesma situação se dá também em setores relacionados por sua capacidade evasora da realidade, como são os cinemas. O que nos resta, se nos removem os ginásios e os cinemas?, O que podemos fazer para tentar por um tempo, esquecer os nossos problemas? Por que o governo não teve isso em conta? Será que Realmente é necessário este aumento degenerado de 13 pontos em alguns dos poucos setores que algo de felicidade que nos seguem contribuindo? Que assim vão cobrar das instalações desportivas? Perguntas todas estas para que lhes não encontro nenhum sentido, mas, o que é Que eu vou saber eu?, sou apenas um treinador.

Ampliar a informação sobre a subida do IVA e a sua influência na taxa de academias de ginástica com esta notícia e deixe seu comentário no nosso fórum.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *